CORREIO da BARREIRA

Pretende-se, todos on-line com todos, utilizar este espaço como um fórum acerca das questões sobre a Freguesia da Barreira. Não só as do quotidiano mas também as decisões estruturais, de fundo, que irão bulir com a qualidade da vida de todos os habitantes desta freguesia. No Presente e no Futuro. Barreirenses são todos os que povoam e amam esta terra.(Ver também http://dispersamente.blogspot.com)

quinta-feira, julho 30, 2009

FESTA ANUAL DA BARREIRA - Leiria


clic em cima da foto para apreciar este Cedro emblemático do Jardim do Solar do Visconde da Barreira.

clic aqui para apreciar o CARTAZ das FESTAS deste ano de 2009, que começam já amanhã, dia 31 de Julho de 2009.
-
No próximo Sábado, desloca-se à freguesia da Barreira, concelho de Mêda, Guarda, uma comitiva da Assembleia de Freguesia da Barreira - Leiria. Também lá há Festa.
-
Também há Festa em honra do SS Salvador, neste mesmo período, no lugar de Casal, freguesia de Ribafeita, Viseu. A terra Natal do autor deste blogue.
-
BONS ENCONTROS, BOAS FESTAS para todos...
Posted by Picasa

segunda-feira, junho 23, 2008

Uma tarde de Poesia em Leiria

Quem tem acompanhado os meus últimos posts decerto se apercebeu que tenho dado relevância exclusiva ao lançamento de dois livros de poesia, que conjuntamente com um outro publicado há dois anos, formaram uma Trilogia poética. Suavemente...quse sem se dar por ela.
Mas a querida amiga Otília Martel, que recentemente também lançou o seu livro de poemas "Menina Marota, um desnudar de alma" que muito sensibiliza quem o lê e nele acaba por ver uma grande poeta. Como sabem os que acompanharam a blogosfera na área da Poesia a "Menina Marota" foi um blogue que muito marcou os amantes desta nobilíssima forma literária. Bem o quis fechar, mas não teve como resistir a tanta pressão vinda dos seus habituais leitores... É assim que ainda o podemos ler e reler no mesmo sítio na Internet. Sempre com renovado agrado.
Na foto que tenho o arrojo de publicar neste post, podemos apreciar Otília Martel, de surpresa, a dizer o poema de Zaida Nunes e que consta do marcador dos seus livros (foto ao lado), "Rosa de Inverno".
Muito obrigados, eu e a Zaida, por tão grande esforço físico e psicológico, estou em crer, para poder estar umas poucas horas connosco na Barreira - Leiria, a festejar o fim dum ciclo da poesia da Zaida Paiva Nunes.
Posted by Picasa

sábado, junho 21, 2008

Como alcançar a Barreira vindo da A1



(clic para ampliar e melhor se ver)

Croquis artesanal para orientar quem pretender chegar à Barreira - Leiria, vindo da A1. Há outras vias, sendo que, para quem vem do IC2/Continente, deverá passar por: Rotunda D. Diniz, Avenida das Comunidades, Rotunda aérea da Cruz da Areia, Colégio Imacular N. sra. da Conceição, RAL4, Bombas da gasolina, Telheiro (vê-se um sobreiro monumental à direita e, logo a seguir, a Capela N. Sra. da Conceição, não se corta para a estrada dos Lourais, sobe-se 1 km e vê-se a Igreja Matriz da Barreira e, mesmo pegado, o Solar e jardim do Visconde da Barreira e o Salão Paroquial, dum lado e do outro. Há que arranjar estacionamento por aí. Aliás, há restaurantes ali perto, sendo que o "Jota" serve um bacalhau assado na brasa muito afamado e tem estacionamento privativo, mesmo junto à estrada.

Posted by Picasa

sábado, dezembro 15, 2007

Ordem da Torre e Espada

Na sequência do post anterior, servindo-me da dica do prof. Borges da Cunha no seu livro "Barreira e a sua História", ed. Outubro de 2007 (Ed. Folheto-Leiria) e para que a questão então colocada não fique pendente, vou permitir-me adiantar uma síntese do que neste livro vem referido. Com a devida vénia do autor, que sei não me vai levar a mal já que esta minha intervenção é a bem da mesma causa por si tão bem defendida.
Tenhamos, então, como referência, a pág. 283 do citado livro.
O Alferes Augusto da Conceição Gonçalves nasceu a 19 de Maio de 1877 no lugar do Telheiro, freguesia da Barreira, filho de Manuel da Conceição Gonçalves e de Emília de Jesus.
...
Tomou parte em várias acções militares nesta ex-colónia a saber: Cuamatos, Mufio, Aucongo, Macuvi, Chamuindo a Damequero, Aluendo à Inhoca, Cuamato Peqeno e Cuamato Grande, Evale.
...
Foi condecorado, entre vários outros Prémios, condecorações e louvores, com o Grau de Cavaleiro da Ordem de Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito.
-
Esta Ordem tem um grande-colar, que é atribuído aos Presidentes da República eleitos, no final do mandato e 5 graus, ordenados por ordem ascendente:
Cavaleiro ou Dama;
Oficial;
Comendador;
Grande-Oficial;
Grã-Cruz.
(Mais pormenores sobre as ordens honoríficas portuguesas podem ser obtidas aqui)

quarta-feira, dezembro 20, 2006

Um Cavaleiro da Ordem da Torre e Espada no Telheiro

Tinha já jurado a mim próprio que não fazia mais comentários, narrativas ou reportagens neste blogue.

Afinal, vou aproveitar este recanto da blogosfera para, conjuntamente com os meus blogues, "dispersamente", "dentrodetioleiria" e "comentariosemblogues", todos "blogspot.com", deixar por aqui as minhas notas pessoais sobre a freguesia da Barreira.
Quem tem informações sobre este personagem? Esta arcada localiza-se na Rua de S. João, na localidade do Telheiro, freguesia da Barreira, Leiria.

segunda-feira, maio 22, 2006

HOMENAGEM AOS PRESIDENTES DE JUNTA DO PÓS 25 de ABRIL de 1974

(clicar em cima da imagem para ampliar. Um exemplo do Diploma que foi atribuído aos presidentes de Junta)

Os presidentes de Junta as freguesias do Concelho de Leiria foram hoje, 22 de Maio, homenageados pela Câmara Municipal de Leiria, e sessão no auditório do Teatro do Mercado d´Santana.

Acerca de mim

A minha foto
Um Viseense tão Leiriense como os que o são... O que me vai ocorrendo...